Busca
Faça uma busca por todo
o conteúdo do site:
   
Home
Atualização Cadastral
Áreas de Atuação Profissional
Biblioteca
Bolsa de Empregos
Certidões
Comissões Técnicas
Concursos Públicos (CRQ-IV)
Consulta de Registros
Cursos e Palestras
Dia do Profissional da Química
Downloads
Eventos
Espaços para Eventos
Fale Conosco
Fiscalização
Formulários
Game
Informativos
Juramento
Jurisprudência
Legislação
Licitações
Linha do Tempo
Links
Localização
Noticiário
Perfil
Planos de Saúde
Prêmios
Publicações
QuímicaViva
Regimento Interno
Selo de Qualidade
Sorteios
Transparência Pública
Siga-nos no Twitter   Conheça nosso Facebook   Nosso canal YouTube
 



Matéria Anterior   Próxima Matéria

Criador de ácido pronto-uso vence o Fritz Feigl


O Técnico e Licenciado em Química Manuel Julimar Lopes é o vencedor do Prêmio Fritz Feigl 2008. Mestrando em Engenharia Química pelo Instituto Mauá de Tecnologia, ele é diretor de tecnologia e desenvolvimento da Ecoper Química, da cidade de Mairiporã/SP, empresa pela qual também é Responsável Técnico. No memorial que encaminhou ao CRQ-IV para concorrer ao prêmio, Lopes destaca entre suas principais realizações o desenvolvimento do "único ácido peracético pronto-uso do mundo e com estabilidade superior a 100 dias em dosagens de baixa concentração".

De acordo com o profissional, o ácido peracético é um saneante que pode ser utilizado para esterilização química em hospitais. No entanto, alguns fatores impediam sua utilização nas unidades de saúde: não eram pronto-uso; não eram estáveis (após diluídos, duravam sete dias no máximo); tinham concentração muito alta (cerca de 0,3%) e, por isso, eram corrosivos para instrumentos cirúrgicos.

Lopes afirma que sua nova fórmula é única no mundo e, com uma concentração de ácido de 0,04%, elimina todos esses problemas. Já está sendo comercializada no Brasil e uma empresa alemã líder mundial na fabricação do produto tem demonstrado interesse pelo projeto.

Antes de se dedicar a essa pesquisa, desenvolveu trabalhos relacionados a técnicas de polimerização sinergética, utilizando diversos tipos de doadores de radicais livres, agentes de cura, radiação, fotopolimerização etc. Em 2004, ganhou o primeiro lugar do Prêmio Ciências em Tintas Abrafati/Petrobras, por seu trabalho sobre proteção ao meio ambiente através da peracetização de efluentes de indústrias de tintas. Dois anos antes, havia ficado com o segundo lugar na disputa pelo mesmo prêmio.

Ainda segundo o descritivo enviado à comissão julgadora do CRQ-IV, em 2006, Lopes ganhou o Prêmio Empresário do Ano da cidade de Mairiporã por liderar o movimento pela instalação de uma Zona de Utilização Predominantemente Industrial. O profissional afirma que essa iniciativa permitirá a entrada de dezenas de indústrias química no município.

É membro da American Oil Chemists Society e ministrou palestras em diversos congressos nacionais e internacionais realizados no Brasil.

Como vencedor do Prêmio Fritz Feigl, Lopes receberá R$ 40 mil livres de impostos, além de um troféu e um certificado. A entrega dos prêmios ocorrerá dia 18 de junho, durante sessão solene que o Conselho fará em sua sede para comemorar o Dia do Profissional da Química. Na mesma cerimônia, acontecerá a entrega do Prêmio CRQ-IV aos estudantes que venceram o concurso.
 




Relação de Matérias                                                                 Edições Anteriores

 

Copyright CRQ4 - Conselho Regional de Química 4ª Região